25/05/13

DEFESA E TECNOLOGIAS - Custos do programa F-35 esta baixo de $ 4,9 bilhões, diz relatório do Pentágono



Custos do programa F-35 esta baixo de $ 4,9 bilhões, diz relatório do Pentágono 



 Um resumo do relatório de 2012 sobre as aquisições  do Pentágono (SAR) mostra que o custo do Caça Lockheed Martin F-35 Joint Strike Fighter diminuiu cerca de US$4,94 bilhões .

 O documento afirma que o custo do programa de aeronaves em si caiu de US$ 331.000 milhões dólares para US$326.000 milhões dólar. A queda deveu-se a redução dos custos de trabalho, que diminuiu US$7,85 bilhões , e o custo de construção real dos modelos de produção antecipada, que caíram US$1,12 bilhões . 


[vídeo:Enviado em 04/11/2011-por:arronlee33/via:Youtube.com]

 Novas reduções foram feitas "para corrigir alocação de custos entre a aeronave e o sub programa de  motores " que foram relatados em 2011 (SAR anterior). Onde foram gastos  outros US$ 981.000.000. Enquanto isso, as estimativas para a necessidade de peças de reposição e outras funções de apoio cairam US$ 698.000.000. Além disso, o custo da criação de novas bases para o F-35 cairam em cerca de US$1.030 milhões. 

 Mas algumas das reduções de custos foram cancelados devido ao  crescimento dos custos em outras áreas, incluindo a dos motores F135 da  Pratt and Whitney para o avião. "Essas reduções foram parcialmente compensadas pela aplicação de índices de reajuste revistos", totalizando mais de US$ 7 bilhões, diz o documento. 

[foto:www.jsf.mil]
O custo do F-135, que é um sub-programa separado, aumentou em US$ 442 milhões , de  US$ 63900 milhões para US$64.300 milhões dólares. O aumento do preço deveu-se "principalmente a índices de reajuste revisto [de US$1300 milhões dólares], a correção de alocação de custos entre a aeronave e o sub-programa de motores", diz o relatório. 




 Esse aumento de custo totaliza US$981.000 mil dólares, enquanto uma produção mais lento no curto prazo "ramp-up" acrescenta 231 milhões dólares para o preço.


[foto:defense-update.com]
 No entanto, os aumentos foram parcialmente compensados ​​com menores estimativas para o custo real dos motores de produção antecipada, que ficou em US$849.000 mil dólares abaixo da meta, junto com "compensações anuais dos novos índices de reajuste" no valor de 865.000 mil dólares.

 O custo reduzido de peças de reposição também teve uma queda de US$ 363 milhões dólares, fora o custo dos motores. "A Lockheed Martin está satisfeito com a redução de US $ 4,5 bilhões em custos de aquisição, operação e suporte refletidos no relatório de aquisições selecionado 2012", diz a empresa. "Este é o primeiro ano que a redução de custos foi notada. Vamos trabalhar com o Escritório do Programa Conjunto F-35 para continuar a implementar medidas de redução de custos, o que resultará em reduções adicionais significativas para o custo total do programa."


Fonte:flightgloba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar e enviar seu comentário

Voar News Agradece pela sua participação

Loading...