14/08/13

DEFESA - Israel intercepta foguete disparado por islâmicos do Sinai egípcio


Israel intercepta foguete disparado por islâmicos do Sinai egípcio


[foto:G1.com]

 O Exército de Israel interceptou nesta terça-feira um foguete disparado da península do Sinai, no Egito, em direção à cidade turística de Eilat, no sul do país. 

[foto:REUTERS]

A ação foi reivindicada por militantes islâmicos Conselho da Shura dos Mujahedines (guerreiros santos, em árabe). 

Segundo integrantes das Forças Armadas, o artefato, do modelo Grad, foi disparado por volta das 2h locais de um lugar não identificado no Sinai e foi interceptado pelo Cúpula de Ferro antes de chegar à fronteira com Israel. 
[foto:www.presstv.ir]
Sirenes de ataque aéreo soaram e explosões reverberaram sobre as colinas que cercam o balneário às margens do golfo de Aqaba, de acordo com testemunhas e meios de comunicação israelenses. Não houve vítimas ou danos relatados.

 O ex-conselheiro de segurança nacional de Israel Dani Arditi disse à Rádio do Exército local que é a primeira vez que o mecanismo intercepta um foguete com destino a Eilat. Na mesma emissora, o ministro israelense do Meio Ambiente, Amir Peretz, disse ter confiança que o Egito possa cooperar para evitar ações como essa. 

Os militantes islâmicos que reivindicaram a ação afirmam que o disparo era uma represália à morte de quatro integrantes do grupo mortos na sexta (09) em um bombardeio israelense na região, que foi chamado de crime pelos muçulmanos.

 O disparo acontece em meio ao aumento da ação de grupos radicais islâmicos no Sinai, que aumentou após a queda do presidente egípcio Mohamed Mursi, em julho.

 Na última quinta (08), Israel fechou o aeroporto de Eilat por duas horas, alegando motivo de segurança. No Egito, o Exército afirma que mais de 70 terroristas foram mortos desde o início de julho. As forças de segurança locais recebem ataques frequentes feitos por radicais e beduínos, que não concordam com as medidas tomadas pelo governo central egípcio. 

Fonte: Folha Online - via:Voz da Rússia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar e enviar seu comentário

Voar News Agradece pela sua participação

Loading...