07/12/13

SEGURANÇA DE VOO - Susto em um Jumbo da BA durante o voo


Susto em um Jumbo da BA durante o voo: Um incêndio na parte elétrica provocado pelo sistema de entretenimento a bordo do avião preocupa as autoridades 

Fire: The drama happened as the Boeing 747 Jumbo, like this one, was cruising at 30,000ft over the North Atlantic en route from Dallas, Texas to Heathrow with 275 passengers on board. (File photo)
[foto:dailymail]

 O incidente aconteceu em um voo entre Dallas, Texas, e Heathrow .

A British Airways disse que a tripulação de cabina levou cerca de cinco minutos para combater o fogo.



 O ocorrido Tem sido classificado como um "incidente grave" pela Autoridade de Aviação Civil .


 As tripulações de cabina em um jato de passageiros transatlântico British Airways utilizaram até cinco extintores para extinguir o fogo e controlar o "sério" incêndio elétrico provocado pelo sistema de entretenimento a bordo do avião.


 O drama aconteceu quando o Boeing 747 "Jumbo" estava a uma altitude de 30.000ft sobre o Atlântico Norte a caminho de Dallas, Texas, para Heathrow com 275 passageiros a bordo. 


O incêndio aconteceu no gerenciador de serviços de entretenimento de cabine , um pequeno compartimento - localizado sob as escadas no nível inferior do Jumbo . O sistema de controle do sistema de entretenimento a bordo da aeronave explodiu repentinamente causando as chamas. Imediatamente um alarme foi acionado junto com outros sistemas de alertas visuais . 


 A tripulação de cabine pegou os extintores para combater o fogo , e cinco destes foram esvaziados durante um período de cinco minutos antes das chamas serem controladas.


Emergency: The fire was caused by an in-flight entertainment system (file picture)

[foto:Reuters -via:dailymail]


 O informe da British Airways sobre o Incidente

 " Levou-se cinco minutos para o combate e controle do fogo". "Foi um incêndio elétrico e eles são um pouco mais difíceis de extinguir . Eu acredito que eles usaram cinco extintores." 


 O drama foi classificado como um "incidente grave" no relatório oficial obrigatória de ocorrências (MOR) apresentado pela BA para a Autoridade de Aviação Civil e obtido pelo Daily Mail.


 O relatório diz que o incidente está sujeito a uma investigação pelo "Investigation Branch" de Acidentes Aéreos . Esses relatórios MOR tem que ser apresentado após " qualquer incidente que ponha em perigo ou que, se não for corrigido , poria em perigo uma aeronave , os seus ocupantes ou qualquer outra pessoa . 


" O fogo irrompeu após uma hora de voo , em uma rota de oito horas e meia de duração a bordo do voo BA 192 , em um Boeing 747 Jumbo vindo de Dallas". 


 O voo saiu Dallas as 4h:45min (horário local)no dia 13 de outubro saindo de Dallas com pouso previsto as 07h:25min do dia seguinte, em Londres. Mas os detalhes do dramático incidente só agora vieram à conhecimento público.


 O relatório "MOR" oficial refere-se a um "fogo" na cabine de passageiros e um "cheiro elétrico 'no cockpit. Ele registra o fogo na cabine como um "incidente grave", acrescentando: "O sistema de entretenimento em voo(IFE) pegou fogo na cabine. Não houve feridos". 


A British Airways disse: "Nossa equipe é altamente treinada para lidar com uma ampla gama de incidentes. Eles foram capazes de trazer rapidamente a situação ao normal sob controle e o voo continuou para Londres e pousando em segurança." BA negou as suposições de que o avião estaria à beira de um pouso forçado de emergência: "Em nenhum momento a tripulação discutiu ou considerou a queda da aeronave." 


A empresa também reitera que não são verdadeiras as suposições feitas por entidades da aviação, que a tripulação teria usado para combater o incêndio quase todos o seus extintores ,só restando apenas dois últimos.


 Um porta-voz da BA insistiu: "Não é correto dizer que havia apenas dois extintores restantes , após o fogo ter sido apagado. "existiam uma série de equipamentos de combate a incêndio restantes que poderiam fornecer uma cobertura adequada, e que poderiam ter sido requeridos. ' Ele acrescentou: "Em última análise, este foi um pequeno incêndio que foi controlado rapidamente pela tripulação. O voo continuou normalmente até o seu destino."


  No início deste mês um incidente assustou os passageiros a bordo de um voo da British Airways ,que disseram ter ouvido o piloto fazer uma chamada de socorro "Mayday" a 36.000 ft sobre o Atlântico em 14 de novembro. O capitão pediu ajuda quando a fumaça invadiu do cockpit do avião que transportava 220 passageiros - e acidentalmente acionou o sistema de emergências e localização (transpônder). 


O Boeing 777 estava voando de Londres para Nova York, mas teve que fazer um pouso de emergência no Aeroporto de Shannon da Irlanda.


 Depois de colocar as máscaras de oxigênio ,a tripulação imediatamente entrou em contato com o controle de tráfego aéreo. Eles mudaram o código do transponder, e o início do seu pedido de socorro foi ouvido pelos passageiros . 


 Os passageiros foram informados de que houve uma falha elétrica . Acredita-se que a fumaça foi causada por super aquecimento na ventilação da cabine(cockpit).


 A British Airways falou sobre esse incidente  : " Voamos com nossos engenheiros para Shannon para inspecionarem a aeronave em um voo de ida e volta para Heathrow , onde ficou parado para mais inspeções , retornado aos serviços nos dias seguintes". 


 Outro Boeing 777 - na mesma rota - fez um pouso de emergência em Shannon cinco dias antes,após apenas uma hora voo que iria atravessar o Atlântico . Mais uma vez a causa foi um cheiro de queimado na cabine - o que foi entendido como, tendo sido causado por um forno com defeito. O "Herald Aviation" advertiu que a queima elétrica foi o que matou todos os 229 pessoas a bordo de um voo da Swissair sobre o Atlântico em 1998. Nesse caso, um incêndio é supostamente teria começado na cabine, e se espalhou para os equipamentos antes que pudesse ser mantida sob controle .


 Fonte:Daily News/ Tradução e adaptação de texto Voar News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar e enviar seu comentário

Voar News Agradece pela sua participação

Loading...