29/06/2012

Russian Helicopters planeja novas tecnologias para seus helicópteros



Russian Helicopters planeja novas tecnologias para seus helicópteros 




A Russian Helicopters fez uma série de anúncios no Fórum de Tecnologias de Engenharia 2012 sobre as novas tecnologias que planeja instalar nos seus helicópteros nos próximos anos, incluindo um sistema abrangente de aviônicos para monitorar as condições de vôo, o pouso e medidas anti-colisão com o piloto automático e sistemas de monitoramento das condições do motor. 

A empresa fez o anúncio no dia 27 de junho de 2012.

 A partir de 2015 a empresa vai instalar o sistema de aviônicos, projetado para melhorar a consciência situacional de uma tripulação do novo helicóptero, transmitindo as informações para cabine sobre a posição da aeronave e do ambiente externo, bem como proporcionar ao piloto as imagens da topografia do ambiente circundante, inclusive durante nas manobras em baixas altitudes em condições meteorológicas difíceis, a qualquer hora do dia. 

 Segundo a empresa, a suíte de aviônicos pode ser construída com base nos sistemas existentes e recém-desenvolvidos. 

Suas várias configurações irão fornecer a tripulação uma alta precisão de posicionamento local e também permitir que o helicóptero possa automaticamente pairar acima de um determinado ponto e pousar automaticamente.

 O novo sistema inteligente irá informar os pilotos sobre os riscos na zona de aterragem e emitir alertas sobre a proximidade perigosa com os riscos naturais e artificiais, incluindo linhas de transmissão. O helicóptero, em constante atualização e refinamento da informação cartográfica, pode automaticamente selecionar um local de pouso despreparado, por exemplo, no caso de uma situação de emergência. 

 A empresa apresentou também o Advanced Health and Usage Monitoring System (A-HUMS), projetado para aumentar a segurança de vôo, proporcionando controle total sobre a condição técnica de um helicóptero em tempo real para aumentar o fator de utilização das aeronaves e reduzir os custos de propriedade.

 O sistema envia sinais em tempo real para permitir que os tripulantes possam diagnosticar situações em que as unidades mecânicas e/ou componentes enfrentam um risco de falha, determinar o balanceamento do compensador e monitorar constantemente o percurso da lâmina do rotor principal, que é um componente criticamente importante que proporciona ao helicóptero a elevação e controle de vôo. 

 A empresa disse que uma de suas principais demandas do mercado é reduzir os custos operacionais diretos dos helicópteros, bem como melhorar a sua eficácia econômica, e que o A-HUMS vai ajudar aos operadores de helicópteros planejar com antecedência a manutenção de suas frotas levando em consideração o desgaste real das unidades e componentes mecânicos. 

 Fonte: Shephard – via: Cavok

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar e enviar seu comentário

Voar News Agradece pela sua participação

Loading...